quarta-feira, 31 de janeiro de 2007

Olha a borboleta que se atira ao ar...

"Descansa no colo da rosa
borboleta, na verdura.
Vai formosa, insegura,
bate as asas, voa e pousa
e parte de novo à procura"
(in Enciclopédia da Música com Bicho - tomo II Borboleta)

Como prometido, cá estou para vos apresentar as Borboletas Mariéte.

As Mariéte, sendo anãs, são tão amigas
do peito como as suas primas.
É caso para dizer: a amizade não se mede em altura...

Sim, sim: não se percebe qual a diferença radical entre as Mariéte e as Léta. Concordo. Vistas as coisas desta maneira...

A grande diferença é, na verdade, uma pequena diferença: as Mariéte são anãs!

Creio que assim se vê, melhor, a diferença entre as primas. As Mariéte, sendo mais pequenas, demoram menos tempo a nascer:
ao todo, cerca de cinco horas, desde que saem do casulo da imaginação.

E por falar em casulo, vejam só quem nasceu há dias: o Gomo de Nuvem.


O Gomo de Nuvem nasceu num dia de muito, muito frio.


A personalidade é uma coisa que se "vê" logo in utero.

Pude constatar isso com o Papaxuá, a Pókónhé e o Panhónhó.

Cada um de seu feitio. A partir do momento em que nasceram, então, tornou-se por demais evidente.


O Gomo de Nuvem é igual: assim que nasceu evidenciou logo que é um excelente amigo para dormir. A sua nuvem de alfazema perfuma os sonhos e adoça os pesadelos.


O Afonso aprovou com satisfação.

É quase como um antigo anúncio: "e porque o meu gato está bem, eu estou bem".

Por falar nele, ei-lo que chama. O Afonso, não tendo uma nuvem de alfazema (parece-me), também adoça os sonhos e perfuma o ar com risinhos e "nãos"...

Até breve.

2 comentários:

Filipe disse...

Confesso-me fascinado pelos bonecos que povoam este espacinho. Aliás, acho que até agora só tens mesmo fotos de bonecos, porque os Pakaxonhopapanhonhonhés parecem sê-lo, o que só vem provar que até a procriar manténs a veia de artesã.

Gosto deste teu cantinho. Fazes titilar o meu lado mais infantil.

Anónimo disse...

Querida Mana, adorei! Apesar do pouco apetite pelo género blog (acho que é da idade...) Adorei! Vivam os teus Filhos, Vivam os seus Pais, Vivam também os... bonecos? hum... desconfio que muito mais do que isso! Meu coração ficou em vós e também num certo felino assim como num passarinho azul e numa marca e... oh eu tenho é muitas saudades! ABRAÇOS FORTES, GC