quarta-feira, 21 de fevereiro de 2007

Assim como as Tangerinas estão para as Laranjas...



A passo de Tartaruga...



... assim, como o Sol por entre as nuvens...



... ainda "empijamados", vamos melhorando!




O frio continua a fazer-se sentir, digam lá o que disserem esses raios de Sol que se impertigaram todos nesta Terça-feira de Carnaval...


O Tempo, o próprio tempo fantasiando-se de «Encalorado», vejam bem...


Mas eu tenho a prova de que o frio continua!

Os Gomos de Nuvem nascem em dias de muito frio, como é sobejamente conhecido, reconhecido e comprovado.

Ora: se no coração do Dácámisso nasceu mais um Gomo de Nuvem, logo, está frio!

Os Gomos, amigos, dormitam enquanto as suas nuvens passeiam em sonhos de alfazema!



Mas, tal como nascem Gomos de Nuvem nos dias de muito frio, às vezes, nos dias de muito frio disfarçados com raios de Sol, nascem os Gominhos de Nuvem.

Assim como as Tangerinas estão para as Laranjas, está o Gominho para o Gomo... O Gominho cabe numa mão, mas adormece melhor quando empoleirado ao peito...


Até breve.

4 comentários:

miquinhas disse...

Olá Isabel
Os teus gomos e gominhos são ternurentos.
Espero que os males já estejam sarados ai por caso.
Olha, muito sinceramente, acho que podes e deves passar a batata-quente a outro, mas só se quiseres. Se o fizeres vão ficar a conhecer-te, e com certeza vão ter imenso prazer em fazê-lo. É sempre agradável passar aqui pelo teu "cantinho", não só pelos teus trabalhos - que são lindissimos - mas pela forma como descreves os posts, super original, parece que estamos a ler contos de fadas. Uma bela combinação do artesanato e da poesia.
Beijinhos

alice disse...

Olá Isabel, ainda bem que já estão a melhorar. Os gomos são uma ternura.
Beijocas grandes
Alice

Wayfarer disse...

é dificil escolher um "sítio" para deixar uma marca de reconhecimento pelo teu comentário! Acho que me fico aqui pelos Gominhos, tão fofinhos e tranquilizantes! Realmente, os blogs são espaços onde podemos Ser e, já agora, podemos conhecer pessoas que São um pouquinho como nós! :) Sim, gosto muito de mitologia celta, como bem descobriste, e por isso fiquei apaixonada pelas tuas fadinhas, da última vez que cá estive!
O Caleidoscópio ainda é um projecto com poucos dias, mas o "Dácámisso" já faz parte dele!
Obrigada pela tua visita, fico à espera de mais trabalhos bonitos e mais textinhos sobre as coisas simples e belas da vida... :)

PS: De Vergilio Ferreira só conheço a Aparição, por enquanto! Mas gosto muito do pouco que conheço dele e do Existencialismo em geral!
Um beijinho
Ana

Wayfarer disse...

(ups, n são fadinhas, é um anjo... mas bem que podia ser uma fada! Está no meio das flores e tem asas! :D)